>Retrospectiva introspectiva

>Era uma vez…outra vez. Mais um ano chega ao fim. E seguindo a tradição, não é fim de ano sem retrospectiva.

Você pode estar precisando de umas palmadas educativas por não ter cumprido as promessas feitas no inicio deste moribundo ano. Talvez aquela preguiça juvenil,  te abateu algumas vezes… Mas, será que você parou frente ao espelho, espelho meu… e se perguntou sobre como  ter a ousadia de ser você mesmo, enfrentando o mundo todo e todo mundo, vencendo os obstáculos e finalmente tornando-se o orgulho da família?

Com um papel e várias idéias na cabeça, vamos passar esse ano a limpo. Talvez algumas dessas idéias permaneceram no papel. Paciência. Nada como uma boa dose de nostalgia para curar o mal humor de não ter conseguido por em prática tudo o que você planejou.  Parece que você já vai entrar o ano endividado, mas antes de desanimar e culpar o destino cruel, é melhor você admitir que não deu tudo de si. Ok. Comece de novo, sendo novo! Diga sim ao novo ano, porque o poder do sim é transformador, e nos abre um mundo de coisas novas, de descobertas, como nos livros infantis, cheios de magia e delicadeza, onde nunca é tarde para ser feliz, onde se é feliz para sempre, e não em um ano apenas.


Você deve ter tido dias com todos os problemas misturados, um monte de gente enchendo o saco e o sapato apertando o seu dedão com joanete. Vai passar o ano novo lamentando o passado? Perguntando-se: esquecer e perdoar, eis a questão? Você pode ter sofrido por amor, pela decepção de não ser amado, ou de ter sido traído, ou ainda, de nem ter tentado amar de verdade. Pode ter chegando a conclusão, que o amor e suas heranças, só te fizeram sofrer. Mude o foco. Comece a se preocupar, se mais um ano acabou, e você não sofreu por alguém, por amor. Ninguém é completamente feliz sozinho.

Mergulhado na rotina, talvez você tenha passado o ano sem sentir nada. Sem ver nada nem niguém. Nem sabe mais qual música te arrepia. Apenas passou, ou melhor, deixou que o ano passasse por você. Certamente, você faria diferente se tivessem pensado: e se hoje fosse seu dia de morrer? Quando o tempo apenas passa, a gente não consegue dar o merecido valor para as coisas, para as pessoas, para a vida.

Quem acredita ser dono da própria vida é um tolo sonhador. Você já  se perguntou se somos livres mesmo? Donos do nosso destino? Lamentavelmente, pouca coisa depende apenas de nós mesmos. Nada mudou. Ano após ano, governor após governo. Como marionetes, somos manipulados e permanecemos inanimados diante da corrupção, do descaso e do desrespeito dos políticos e do governo. Você acha que o voto muda alguma coisa? Para mudar o Brasil, precisamos primeiro, mudar nossas atitudes.

Tudo o que criamos, se comove e faz pensar, vive para sempre. Se você viveu o ano com arte e sensibilidade, levará para toda a vida os bons frutos de 2010. Se conseguiu domar a criatividade, pode ter evitado que muitas boas idéias fossem para o lixo da memória, do esquecimento.

Talvez tenhamos que correr com lobos para sermos felizes, se você conseguiu aprender a driblar as adversidades da economia e do tempo, chegou ao fim com a sensação de missão cumprida. Se não, não se culpe, pois é verdade, que esse ano  passou rápido demais! E o correr do relógio, fez o povo correr para o botox, para a academia, para a mesa de cirurgia. Quantas vezes você olhou no espelho e lamentou o correr desse tempo louco? Mas, envelhecer não é um castigo. Cuidar do corpo é importante, mas evoluir como espírito é necessário, pois o corpo tem um curto prazo de validade. Tudo o que você precisa é de amor, de nada adianta ser atraente e irresistível, se não cultivarmos a sabedoria e o amor ao próximo.

Tem gente lutando feito um animal feroz pelo sucesso . Não podemos perder a ternura jamais, nem nesse ano, nem no próximo. Precisamos demonstrar mais afeto, deixar o coração aberto ao amor e a amizade. A tecnologia não colabora muito com o estreitamento das relações humanas. Embora, pareça o contrário, já que recebemos noticias daqueles amigos de infância, que há muito tempo não vemos. O pior cego é aquele que não quer vê. Os amigos distantes, continuam distantes. E os que estão perto, ficam cada dia mais longe. Um e-mail substituiu o telefone ou abraço do aniversário. As mensagens instantâneas substituíram as boas conversas do boteco, da calçada… que já foram um marco em nossas vidas. Como o primeiro amor, que a gente não esquece.

Se você aproveitou o ano para aparar as arestas de si mesmo, pode ter concluído que nada muda, se não mudarmos também. Descobriu que o único inimigo é você. Ninguém pode prejudicar tanto a vida, quanto nós mesmos. Temos um mundo dentro de si e às vezes, é preciso gritar “pare o mundo que quero descer”. Só dá para enxergar o fundo do lago com a água calma. Só dá para colocar as idéias em ordem, se esse mundo dentro de nós, parar de girar descontroladamente, como tem sido ano após ano. Se você tem vivido assim, pode estar se sentindo confuso, como Alice… só que é você no país das maravilhas

Sem querer ser a rainha do drama, é duro admitir que talvez não tenhamos nos esforçado para alcançar nossas metas do ano. Há mil desculpas para isso, entre elas as adversidades, que fogem ao nosso controle. Mas, quem disse que seria fácil. Pode parecer fácil quando olhamos para quem teve um ano de sucesso. Bate aquela inveja danada. Mas, a inveja tem suas faces e uma delas é positiva. O sucesso do outro pode ser inspirador e exemplar, assim como a honestidade, a dedicação e o empenho.

Se você passou o ano entre o sonho e a realidade, com mais fantasias e perguntas, do que respostas, certamente vai precisar rever esse comportamento, se quiser um ano novo mais próspero e feliz. Talvez você tenha optado por viver uma “Second Life”, twittando seus passos, blogando suas experiências, enroscado pelas redes sociais. Ok, os bytes que me movem também movem muita gente, mas tive que admitir, que embora eu ame blogar, entre o sonho e a realidade, optei pela segunda, isso sou eu quem recomenda.

Se o cinema é arte que ensina a viver, certo? Mesmo assistindo repetidas vezes, ainda não achei a fórmula do sucesso. Mas,  nem por isso vou deixar de procurá-la. Você pode achar que não está certo nem errado, nem junto nem separado. A vida deve ser baseada em fatos reais, ou é isto ou aquilo, tem que ver e sentir para entender. Há tempos para refletir que você tem ter liberdade para sonhar, mas também tem que ter os pés no chão. Entra ano, sai ano, a vida continua o mesmo paradoxo.

 Mesmo quando você quer e luta arduamente, e olha que o poder do querer move montanhas – ou seria da fé? – nem sempre o caminho é fácil e feliz. Nesse ano, a tristeza pode ter batido à sua porta, e por mais que você tenha insistido para que ela lá fora permanecesse, ela é insistente. Não adianta lutar contra. O negócio é vivenciar a tristeza para reconhecer a felicidade, inclusive e na maioria das vezes, nas pequenas coisas, nos momentos mais comuns.

O ano passou e você não teve tempo para essas bobagens sobre sonho e fantasia, acredite que a imaginação pode mudar a realidade dura e cruel dessa vida. Somos todos iguais, somos tão diferentes. Sua aparência pode ser melhor que a minha. Certamente, você pode ter mais grana do que eu, ou ser mais alto, mais magro. O que você,  eu e todo mundo deseja  e também o que nos amedronta é o que nos torna tão semelhantes. Sentir-se pleno e feliz, realizado e satisfeito. O tormento do tempo, que passa sem cessar e nos aproxima do fim.

Mas, como mentiras sinceras me interessam e talvez te interesse também, quem sabe, ainda tenhamos muito tempo para conquistar um lugar ao sol – eu prefiro à sombra e com uma cervejinha gelada, por favor!

Você vai esperar quantos anos mais para se renovar, hein? Tente ser novo a cada madrugada, não espere mais um ano passar. Os sonhos que nos movem rumo à realidade. Vamos acordar para a vida e admitir nossas falhas. O universo está dentro de nós, infinito como ele, é nossa chance de acertar olhando para fora. Mudar é inevitável, e pode doer. Porém, duvido que você queira mais do mesmo, ainda mais sabendo sobre a brevidade da vida.

Se o ano acabou e você ainda acredita que ninguém é insubstituível ou pretende continuar vivendo de aparências, lamento informar, que os astros não prevêem um bom ano novo para você. Eu cansei de deixar para depois e você? Vai esperar chegar na casa dos 40? Ou vai sair dela para a casa dos 50, 60 sem tirar as conclusões suficientes, sem passar limpo o rascunho, que está no papel, que você representa? Esqueça o babado alheio e descubra se sua vida não é assunto de fofoca.

Acenda uma vela, uma luz que faça você ver com clareza onde precisa mudar, que faça você reconhecer quem de fato você pode contar, nem seja apenas um, e não se assuste se for apenas você.  Assim é vida: a eterna e solitária busca por essa tal felicidade…

E a felicidade que eu desejo para mim em 2011, eu desejo para você também. E se você também desejar ser feliz como eu desejo, o universo irá conspirar ao nosso favor. Mas, se conspirar contra, tudo bem. Eu desejo que você e eu tenhamos sabedoria e paciência para driblar todos os obstáculos para chegar em 2012 muito melhores do que terminamos 2010.

“Nada é permanente, salvo a mudança.” Heráclito
Anúncios

Sobre Mamae Recomenda
Mãe de 4 filhos lindos de morrer, pintora com breve bloqueio criativo e blogueira, recomendo tudo o que acho legal, também amo um papo cabeça, daqueles que surgem das coisas mais simples, tipo filme ou música! Navego mundo a fora, conheço novas culturas, visito amigos velhos e distantes, tudo do meu computador. Até meu marido eu conheci por aqui. E mais uma coisa, falo pra caramba!

9 Responses to >Retrospectiva introspectiva

  1. >Olá Márcia! Bom Dia! Nossa, você disse tudo!Gostei muito de estar aqui com você agora e neste ano. Sim, é verdade que esta pequena palavra abre portas e nos disponibiliza a realizar sonhos. Também o não é importante, para que a gente respeite e delimite o limite próprio e o dos outros, porque,como bem diz, conviver é importante já que ninguém se sente feliz sozinho. Que você tenha um Feliz 2011,e como a felicidade não é algo que o mundo deva nos dar o tempo todo, que você e todos nós,tenhamos o discernimento para ver o que depende de nós e assim, possamos aproveitar todos os muitos momentos que tivermos de alegria, no nosso trabalho e com as pessoas que a gente ama ( e também até com as que a gente mal conhece!). Beijos, Vera.

  2. >Olá minha amiga querida!Adorei fazer essa retrospectiva com você! É tão bom poder olhar para trás, ver as conquistas que fizemos, as derrotas inevitáveis, mas termos a alegria de poder olhar para frente e enxergarmos um longo futuro à nossa espera! Um futuro que nos permite tudo, se assim quisermos…com novos erros ou com mais acertos… A base é a nossa experiência e consciência…Está tudo dentro de nós… Tenho certeza que nesse novo ano estaremos mais maduras, mais confiantes e destemidas… Vamos viver cada dia com a bravura e a incerteza de serem os últimos momentos… E assim, viveremos intensamente, construindo nossa vida.Desejo para você e sua linda família um ano novo de muita luz e saúde… Amor sei que tem aí…rsrs…graças a Deus! As outras conquistas virão, pois você é uma pessoa lutadora, admirável e que me enche de orgulho por ser minha AMIGA! Que em 2011 possamos continuar juntas, aprendendo e ensinando…crescendo juntas… Eu aprendi e cresci muito com você…e quero continuar nessa maravilhosa evolução!Grande beijo, querida! Com um EU TE ADORO gigante estampado em seu rosto!Jackie

  3. Rike says:

    >Olá, Márcia!É bom tê-la de volta escrevendo no blog! Demorou pra voltar, mas voltou com "dedo pesado"kkkk – mas com a qualidade de sempre!!!!Feliz Ano Novo!!!!Rike.

  4. Fernanda says:

    >Boa matéria! Já pensou em divulgar seus posts também no http://www.plik.com.br ? Dá para fazer login via twitter ou se cadastrando no site apenas com seu nome e e-mail, e é super fácil de postar seus resumos de artigos lá! Espero que goste. Bj! Fernanda

  5. >Olá, Mamãe Recomenda!Estou colaborando com um novo blog chamado “Kumidas & Abandonadas”(www.kumidaseabandonadas.blogspot.com), se puder dar uma força…! Abçs!Rike.

  6. Marcia Pinho says:

    >Vera, mulher! Eu também agradeço por tê-la conhecido e poder compartilhar nossos sonhos, idéias e letras. Desejo a vc um 2011 repleto de sucesso, amor e prosperidade! Muito obrigada, minha querida pela visita! Bjo enorme!

  7. Marcia Pinho says:

    >Jackie, minha amiga! Esse ano que passou foi muito especial, pois conheci pessoas muito especiais. Você merece destaque, pois tive a honra e o prazer de compartilhar com vc nossas idéias e sentimentos. Aprendi muita coisa com vc, sua sabedoria vale ouro, é uma dádiva! Muito obrigada pelo presente da sua amizade, Espero, sinceramente, que em 2011 possamos estreitar essa amizade trazendo esse encontro para a realidade! Que em 2011 vc tenha ainda mais inspiração em seus ensinamentos. Que Deus abençoe e ilumine seu caminho e sua linda familía! Agora mais perto, temos que ampliar a amizade entre nossa filharada!Um bjo enorme!!!

  8. Marcia Pinho says:

    >Rike, homem! Muito obrigada pela visita e pelos votos! Desejo a vc muito sucesso em 2011! Aos poucos retomarei a velha forma de sempre, mais light! Enquanto vc, continue com seu excelente humor! Valéu, homem! Bjo grande

  9. Marcia Pinho says:

    >Fernanda, minha cara! Muito obrigada pela visita e pela dica. Até tenho plik, mas com a correria não consigo atualizar meu perfil por lá. Fico feliz que tenha gostado! Um 2011 cheio de realizações e muita prosperidade! Bjo enorme

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: